Obrigado! Você passará a receber nossas novidades.
Oops! Something went wrong while submitting the form.
Geral
-
15/9/2021

5 principais riscos de não aprender uma nova língua

No final de semana passado assisti ao filme “A Chegada” (“Arrival” na língua de George Clooney). Se você não conhece esse filme, deixe-me recapitular:

12 naves alienígenas pousam na Terra, no meio de uma humanidade em pânico e a heroína do filme (a atriz Amy Adams), uma linguista reconhecida, é responsável por se comunicar com os alienígenas, sim, mas como se comunicar com os seres sobre os quais nós não sabemos absolutamente nada, nem se eles vieram em paz? Eles são simples representantes de uma espécie? Ou será que eles precisam de ajuda?

Esta é a missão estabelecida pelo governo dos Estados Unidos, de decifrar a linguagem das criaturas para entender suas intenções.

E eu pensei ao longo do filme: como isso aconteceria na realidade e, principalmente, como fazer para nos entender! Você sabia, por exemplo, que os Inuit (um povo indígena que vive em regiões árticas) têm dez palavras para falar sobre neve?

Um clima que quase não existe aqui no Brasil, embora vivamos todos no mesmo planeta, como então explicar a simples palavra "neve" para seres que podem nem saber o que é água ou que simplesmente não conhecem a sensação de frio ou de calor?! 🤯

Sapir-Whorf (um dos melhores linguistas do mundo), citado neste filme, explica essa teoria utilizada na linguística afirma que a nossa visão de mundo depende da nossa linguagem. Em suma, nossa maneira de pensar pertence à maneira como nos comunicamos.

Nesse sentido, falar várias línguas aumentaria nossa capacidade de entender uma única situação de forma diferente. Para concluir esta longa introdução, vários estudos mostram que pessoas falando diferentes línguas constatam que não necessariamente pensam do mesmo jeito dependendo da língua eles usam, e para uma reflexão mais pessoal, como às vezes é difícil ensinar e aprender uma língua estrangeira, então decidi oferecer esta semana, meu top 5 dos principais riscos de não aprender uma nova língua, porque não podemos nos arrepender do que não conhecemos. Mas sem saber, estamos (talvez) perdendo algo fantástico.

1. Depender da mídia

Saber um idioma permite que você dê um passo para trás e reavaliar suas fontes de informação. Falar e compreender outros idiomas permite comparar informações de diferentes países, e é engraçado porque você pode encontrar diferenças dependendo da origem. Experimente para ver.

2. Ser menos intelligente

Aprender uma língua aumenta nossas habilidades cognitivas. Isso desafia nosso cérebro, que funciona como um músculo. É como praticar um esporte, quanto mais o cérebro é usado, mais ele se desenvolve e se fortalece.

3. Perder amigos

Falar outras línguas permite que você conheça novas pessoas e, acima de tudo, faça novos amigos! "Ok, eu não me importo", você vai me dizer? Talvez, no entanto, é muito fácil empurrar para fora do caminho o que você não conhece.

4. Ter um trânsito ruim

Não parece necessariamente óbvio, mas saber ler um cardápio é essencial durante uma viagem, o que seu estômago vai dizer quando você comer um prato que você achou que parece delicioso quando, na verdade, era cérebro de macaco? Sim, sim, esse prato existe mesmo na gastronomia asiática!

5. Perder o amor da sua vida

Imagina: você está na França, em Paris, e vê a pessoa mais linda que pode imaginar, você inicia a conversa, essa pessoa mora em Paris a 2 minutos da Torre Eiffel e você já pode se ver tomando seu café da manhã com ela, olhando para a Torre Eiffel.

Porém, você não conseguiu falar com ela direito por falta de confiança ou conhecimento. Falar uma língua permite que você ganhe autoconfiança e tenha melhor auto-estima quando fala outra língua.

E se essa pessoa for o amor da sua vida?  É uma pena, você nunca saberá.

6. Vai ser enganado

Sim, eu disse que ia ser meu top cinco, mas no final é o meu texto, então decidi mudar, então leve isso como um bônus. É triste, mas é a vida quando você está vulnerável, há muitas pessoas mal-intencionadas que saberão como tirar vantagem de você, e eu não estou falando especialmente sobre os táxis parisienses legais que sabem muito mais do que o Google Maps qual será o melhor caminho para ir para o aeroporto. Você já perdeu o amor da sua vida, seria triste gastar demais no cartão de crédito.



Posts Relacionados