Obrigado! Você passará a receber nossas novidades.
Oops! Something went wrong while submitting the form.
Alemão
-
16/9/2021

Exames de proficiência para estudar na Alemanha

Estudar na Alemanha é o sonho de muita gente. Afinal, é um dos países que mais se destacam no universo acadêmico. No entanto, quem quer realizar esse desejo precisa primeiro aprender alemão. Para comprovar que você consegue se comunicar bem em alemão e está apto para estudar na Alemanha será necessário fazer um dos exames de proficiência do alemão.

Existem quatro principais exames de proficiência para estudar na Alemanha. São o TestDaf, o Goethe Zertifikat, o DSH e o telc. Abaixo, explicaremos tudo o que você precisa saber sobre eles.


Nível de proficiência

Antes de mais nada, é preciso entender o que esses exames medem. A maior parte das instituições alemãs tem o Quadro Europeu Comum de Referência para Línguas como escala de avaliação do nível de proficiência em alemão. Ele varia entre os seis níveis:

  • A1: básico (iniciante)
  • A2: básico (elementar)
  • B1: intermediário
  • B2: independente
  • C1: avançado
  • C2: proficiente

Usualmente, as universidades costumam pedir o nível C1. Algumas delas aceitam também o B2. Entretanto, para acompanhar as aulas com tranquilidade, o ideal é ter o C1.


TestDaF (Test Deutsch als Fremdsprache)

TestDaF significa Teste de Alemão como Língua Estrangeira. Ele é um exame de proficiência da língua alemã que cobra um grau de conhecimento do idioma entre os níveis B2 (independente) e C1 (avançado). Este teste avalia quatro habilidades: leitura, escrita, compreensão auditiva e conversação.

O TestDaf é desenvolvido pelo TestDaF-Institut, que é gerido pela Sociedade de Preparação Acadêmica e Desenvolvimento de Testes (g.a.s.t.) da Alemanha. Esse exame de alemão é voltado para não-nativos que desejam cursar uma universidade na Alemanha. Entretanto, ele também serve de comprovação de proficiência na língua alemã para não estudantes. É um dos exames de proficiência para estudar na Alemanha aceitos por todas as universidades do país.

Na parte de leitura, que dura 60 minutos, o candidato precisa interpretar três textos. Na parte de compreensão auditiva, que dura 40 minutos, também é necessário interpretar três áudios. Na avaliação da conversação, com 35 minutos de duração, são feitos sete exercícios gravados no computador. Na última etapa, de escrita, o aluno tem 60 minutos para escrever um texto informativo e opinativo.

O resultado do TestDaf demora cerca de seis semanas para ser entregue. O teste pode ser feito em seis datas por ano (nos meses de fevereiro, abril, junho, julho, setembro e novembro). Se o candidato não atingir a nota mínima desejada na primeira tentativa, ele pode tentar novamente quantas vezes quiser. O preço do exame é € 130,00.


Goethe Zertifikat

O Goethe Zertifikat, ou Certificado Goethe, é um teste de proficiência em alemão aplicado pelo Goethe Institut, que tem como objeto divulgar a cultura e a língua alemãs. O exame é feito por mais de 230 mil pessoas por ano em todo o mundo. É um dos exames de proficiência para estudar na Alemanha aceitos por todas as universidades alemãs.

Esse teste de alemão tem versões diferentes para cada nível de proficiência (do A1 ao C2). Por isso, o candidato precisa escolher qual deles irá fazer. As provas dos níveis A1 a B2 são divididas entre os públicos com menos e mais de 16 anos. A partir do C1 são voltadas apenas para o público adulto.

Assim como no caso do TestDaF, o exame é dividido em quatro partes: conversação, compreensão auditiva, escrita e leitura. A duração de cada uma delas varia de acordo com o nível do teste. Já o tempo total da prova varia entre 1h20 e 3h30, dependendo do nível. 

No Brasil, a prova é aplicada tanto nas unidades do Instituto Goethe quanto por diversos outros centros distribuídos pelo país. Os resultados saem em até três semanas, se feitos diretamente no Goethe Institut. Os preços variam entre R$ 360,00 e R$ 1.380, dependendo do nível da prova.


DSH (Deutsche Sprachprüfung für den Hochschulzugang)

DSH significa Exame de Língua Alemã para Entrar na Universidade. Diferente dos outros exames de proficiência em alemão, o DSH não pode ser realizado no Brasil. Ele só é aplicado na própria Alemanha, pelas universidades nas quais o candidato deseja estudar, antes do início do curso. Ele é dividido em duas partes (oral e escrita) e atesta para os níveis B2, C1 e C2.


telc (The European Language Certificates)

O telc também não tem aplicação disponível no Brasil, nem em outros países da América Latina, podendo ser feito diretamente na Alemanha. Assim como o Goethe Zertifikat, o exame de alemão vai do A1 ao C2 e se divide entre conversação, compreensão auditiva, escrita e leitura. Essa prova tem uma versão específica para médicos que querem trabalhar na Alemanha.


Vale a pena fazer aulas de alemão para realizar o exame de proficiência?

Cada um dos testes para estudar na Alemanha que apresentamos tem uma estrutura particular. Fazer aulas de alemão preparatórias é uma forma de o candidato treinar e se preparar especificamente para o exame de alemão que vai realizar. 

Os professores de alemão do Instituto Stephanie Lich sabem como preparar os alunos para o exame de proficiência, dando aulas voltadas para o desenvolvimento de cada uma das habilidades exigidas.

Os cursos de alemão do Instituto Stephanie Lich fazem com que o candidato esteja muito mais preparado e confiante no dia do exame proficiência em alemão. Afinal, as chances de realizar uma boa prova aumentam muito se o candidato conhecer a maneira como o exame está estruturado.

Preparar-se sozinho pode ser difícil, seja pela falta de conhecimento, pela carência de motivação ou pela ausência de um profissional que possa realmente corrigir os exercícios realizados em alemão. Por isso, na hora de praticar para qualquer um dos exames de proficiência para estudar na Alemanha, as aulas de alemão do Instituto Stephanie Lich podem ajudá-lo a tirar uma nota muito melhor!


Posts Relacionados